domingo, 23 de abril de 2017

Maresia Paulista Pro Surfe Ubatubenses saem na frente

Palanque etapa de abertura do Maresia Paulista de Surf Profissional, Praia de Itamambuca, Ubatuba. Foto: Munir El Hage.



O conhecimento do pico prevaleceu no primeiro dia da etapa de abertura do Maresia Paulista de Surf Profissional, nesta sexta-feira (21/4), na Praia de Itamambuca, em Ubatuba.






A competição também válida pelo ranking brasileiro começou com boas ondas de até um metro e 96 surfistas de 11 estados. E as melhores apresentações foram dos surfistas locais: Emerson Santos, o Tikinho, garantiu a maior somatória, com 16,15, nas duas melhores ondas, enquanto que Geovani Ferreira, o Tchuca, teve a maior nota do dia, 9,10.

1280x853
Emerson Santos garantiu a maior soma da etapa de abertura do Maresia Paulista de Surf Profissional, na Praia de Itamambuca, em Ubatuba. Foto: Munir El Hage.



As disputas seguem neste sábado, a partir das 8 horas, com transmissão ao vivo pela internet, aqui. O feriado foi de muito trabalho na praia. As disputas começaram às 8 horas e só terminaram quando já não havia mais luz, dando muito trabalho à equipe técnica, que trabalhou com maestria, diante do excelente nível técnico.



1280x853
Giovani Ferreira arrancou a maior nota do dia em Itamambuca, Ubatuba. Foto: Munir El Hage.

Edgard Groggia, surfista de Guarujá, foi outra grande performance, com 15,65. Na lista dos destaques aparece mais um talento ubatubense, Hizunomê Bettero, bicampeão paulista e que vem de vitória no QS na Califórnia, com 15,30 nas duas ondas. Também dono de dois títulos, o veterano Odirlei Coutinho, 38 anos, avançou para o round 3. “Continuo brigando pelo meu espaço. Me sinto bem e estou animado”, disse.



A etapa ainda contou com mais dois bicampeões estaduais, Renato Galvão, de Ubatuba, e Ricardo Ferreira, de Praia Grande, que não passaram de suas estreias na mesma bateria, na segunda fase. Quem também não seguiu no evento foi Dodô Veiga, de Praia Grande.



No round 1 garantiu excelentes 16 pontos e na segunda apresentação, 13, mas não suficientes para se classificar, superado por Edgard Groggia e o catarinense Willian Cardoso, com 14,25. Menção também para Artur Aguiar, o Tutty, o carioca Leandro Bastos, os paranaenses Victor Valentim e João Moura, o paraibano José Francisco e os paulistas Renan Argemiro, Diego Meinha, Edher Reis e Pedro Dib.



1280x853
Atual secretário municipal de Esportes de Ubatuba, Marcelinho Carioca marcou presença na etapa de abertura do Maresia Paulista Pro. Foto: Munir El Hage.

Secretário Marcelinho Carioca – Ídolo do futebol brasileiro, Marcelinho Carioca é o atual secretário municipal de Esportes de Ubatuba e fez questão de acompanhar de perto boa parte das disputas neste feriado. “Me sinto lisonjeado e feliz de ser o secretário de esportes de Ubatuba, de onde grandes talentos surgiram. E o Maresia Paulista com essa estrutura está de parabéns”, disse.



A etapa distribui R$ 30 mil em premiação, com R$ 8 mil ao vencedor, que também leva 3 mil pontos no ranking brasileiro. Outra atração neste sábado será a Overboard Expression Session, com R$ 1 mil ao autor da manobra mais radical. Os surfistas de São Paulo têm como atrativo o 34º título estadual consecutivo, valendo uma moto 0k, oferecida pela Surf Trip, Kyw e Super Tubes. Já o público poderá participar de sorteio de kit Maresia na praia e de camisetas do Circuito pela internet.



O evento - O Maresia Paulista de Surf Profissional 2017 tem os patrocínios da rede de lojas Overboard, Surf Trip, Kyw e Super Tubes. Apoios de K Energy Drink, prefeituras de Ubatuba e São Sebastião, Associação Ubatuba de Surf e Associação de Surf de São Sebastião, Governo do Estado de São Paulo/Secretaria da Juventude Esporte e Lazer, com divulgação de Waves. Realização: Federação Paulista de Surf.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comments system

Disqus Shortname