segunda-feira, 5 de agosto de 2013

FUTEBOL NOS BAIRROS

Texto de Isac da Costa Via facebook


Futebol nos bairros
Ubatuba é uma cidade com uma longa costa de aproximadamente 100 km ,isso faz de nossa cidade uma das mais ricas em praias , mas se torna um problema quando nos falamos de futebol .
Uma cidade desta grandeza fica difícil o deslocamento e realização de eventos esportivo, o futebol é sem duvida o esporte mais praticado em nossa cidade e movimenta mais de 5 mil pessoas na semana, isso fazendo um calculo pessimista .
O que nos surpreende é centralização de tudo , todos os jogos da nossa divisão principal (1ª divisão de futebol amador ) com a maioria dos jogos no estádio municipal 
Assim deixamos de lado praças esportivas de muita tradição com Sertão da quina , Estufa 2 , Rio Escuro, Maranduba e Lagoinha .
Com jogos as 11, 13 e 15 horas realizados no estádio municipal deixamos de difundir está que é a maior e mais importante competição do nosso futebol nos bairros onde a maioria das pessoas vivem .
O lado sul e norte de onde saem vários jogadores e clubes de Ubatuba fica muita vezes sem nenhum jogo .






O que acontece é que deste jeito nossos jogadores jogam para o concreto , em muitas partidas o estádio recebe um publico muito pequeno , que as vezes não chega a 20 espectadores isso quando não fica totalmente vazio enquanto jogos realizados no Itaguá , Estufa 2 , Sertão da Quina e Rio Escuro recebem um publico muito superior e com uma torcida bem mais participante .


Outro problema é a falta de respeito com os poucos torcedores que vão aos campos, nos jogos realizados no estádio não temos um serviço de som para informar os nomes dos time que jogarão e as escalações dos clubes envolvidos na partida , nem um placar existe e pra piorar os representante não contam nem com placas para informar as substituições .


E quanto isso nossa liga e dirigentes não se movimentam para resolver a falta de dinheiro , apenas esperam da prefeitura a uma generosa contribuição ou cobram dos donos de clubes taxas e anuidades cada vez mais altas , e pra piorar se transforma em cabide de emprego pagando salários desproporcional a realidade da entidade , dos clubes e até de nossa cidade.


Deveríamos ter voluntário recebendo uma ajuda de custo e não funcionários com salários e encargos fiscais , afinal somos amadores .
Espero que dirigente e donos de clubes se atentem para isso e mudem o estatuto para proibir esta pratica , se não todos sucumbiremos , os jogadores , os clubes , os espectadores e o futebol de Ubatuba.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comments system

Disqus Shortname